Touro Braford bate recorde da temporada no leilão da Estância Bela Vista

Realizado na noite desta terça-feira, 13 de outubro, em Santana do Livramento (RS), o tradicional remate da Estância Bela Vista fechou com um incremento de 50% em relação ao ano anterior na venda de touros e fêmeas das raças Braford e Polled Hereford. O leilão, a cargo da Trajano Silva Remates, e chancelado pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB) teve como destaques as médias dos machos Braford, que ficaram em R$ 31,66 mil, sendo os 2 anos em R$ 31,37 mil e os 3 anos em R4 32,3 mil. Já as fêmeas Braford tiveram média de R$ 19,8 mil e os Machos Polled Hereford R$ 13 mil.

Para o leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, que conduziu as vendas no leilão, o remate da Bela Vista, indiscutivelmente, foi o melhor da temporada até o momento. “Foi uma facilidade bárbara para conduzir. Realmente foi muito bom. Ficamos agradavelmente surpresos, pois o resultado foi 20% maior da nossa melhor projeção”, destacou.

X Boy

Na avaliação da proprietária da Bela vista, Celina Maciel, o remate foi um êxito. “Foi uma imensa satisfação para a equipe da Bela Vista este resultado porque ratifica o nosso trabalho e a busca pela nossa genética que há tantos anos trabalhamos em cima destas raças e ano a ano temos o retorno de clientes assíduos que há muitos anos nos acompanham. Podemos dizer que também temos uma renovação de clientes de outras regiões, de outros Estados, na busca da nossa genética”, observou, acrescentando que também houve muita procura por fêmeas.

O lote mais valorizado do remate da Bela Vista foi o touro Braford Faraó da Bela Vista, já contratado pela Central ABS que teve sua comercialização de 50% pelo valor de R$ 90 mil, valorizando o exemplar em R$ 180 mil no mercado, sendo preço recorde para a temporada em se tratando de machos da raça. Outro destaque ficou por conta da venda do também touro Braford X-Boy da Bela Vista, que teve preço de R$ 62 mil por 50% do exemplar, já contratado pela central de inseminação CRV Lagoa. Com isso a valorização de mercado do animal é de R$ 124 mil. Com isso, o criatório chegou a seu 41° touro em centrais.

Fotos: Paulo Renato Pinheiro/Bezier Filmes

Texto: Assessoria Trajano Silva Remates

Deixe uma resposta

Fechar