Espaço SICREDI: Mais de 80 mulheres se mobilizam para debater o empoderamento feminino

Por em 23 de maio de 2018

 

Mais de 80 mulheres prestigiaram a atividade desta terça-feira

Nem mesmo o frio espantou as cerca de 80 mulheres que prestigiaram ontem (22) à noite a oficina\palestra promovida pela coach Beatriz Brochado no espaço SICREDI. A atividade integrou a grande programação da Nacional HB, Exposição Pecuária que se estende até a próxima sexta-feira no Parque de Exposições Agrícola e Pastoril de Uruguaiana.

Em pauta, o empoderamento feminino, da colher de pau à governança colaborativa. O tema despertou a curiosidade e reuniu um grupo seleto de mulheres, prestigiadas e saudadas pelo presidente da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), Luciano Dornelles de Dorneles ainda no início da atividade.

A Coach Bia Brochado

Inicialmente, a especialista compartilhou conceitos acadêmicos para depois aplicar técnicas, com exercícios de recorte e colagem, que permitiram às participantes refletirem sobre suas funções frente à sociedade. “A minha geração foi de transição. Hoje a mulher pode escolher a sua vida, pode se realizar profissionalmente e encontrar o seu propósito de vida”, destacou.

A palestrante ainda reservou um momento para falar sobre a plenitude das mulheres, dando dicas e conselhos sobre como elas poderiam se tornar protagonistas das suas histórias. Fundamental, segundo Bia, tomar consciência e definir a identidade de cada uma, para depois ter coragem para enfrentar as crenças limitantes, já que constantemente estamos redefinindo o que queremos ser.

“Sejam vigilantes com as coisas que vocês desejam. E nunca esqueçam, para quem não sabe onde está indo, qualquer lugar serve”, ponderou Bia ao agradecer o convite. “Fiquei muito feliz em ver a casa cheia reunindo este público maravilhoso”.

Carne Certificada Hereford

Encerrada a palestra, hora de degustar os pratos preparados pela instrutora do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Janice Salgueiro Silveira, e sua equipe. Ela foi desafiada pela Gerente do Programa Carne Pampa, Fabiana Freitas, a utilizar o corte bananinha e dar versatilidade aos pratos. “A bananinha é um corte do contrafilé também conhecido como intercostais ou entrecostela. Dispõe de gordura entremeada no músculo, o que dá um sabor diferenciado ao corte”, explicou Fabiana.

A instrutora do SENAR Janice Salgueiro Silveira

No cardápio da noite, iscas preparadas na panela acompanhadas de farofa e molho especial, além de ragu de bananinha. “Muito saborosa e macia, a bananinha estava excelente e figurou como um aperitivo incrível”, disse Fabiana. A noite ainda reservou espaço para a degustação de vinhos e espumantes da vinícola Bodega Sossego, de Uruguaiana (RS)”. A diretora de marketing da ABHB, Celina Maciel, acompanhou atividade.

Por Tatiana Feldens, reg. Prof. 13.654

Ascom ABHB

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Translate »