Divulgado o resultado da terceira pesagem oficial da PAC HB 2017/2018 – Associação Brasileira de Hereford e Braford

Divulgado o resultado da terceira pesagem oficial da PAC HB 2017/2018

Por em 28 de dezembro de 2017

Realizada na semana passada, a terceira pesagem oficial da Prova de Avaliação a Campo de reprodutores Hereford e Braford segue trazendo bons números de ganho de peso diário para os 32 tourinhos participantes, apesar da seca que tem atingido a região de Bagé, onde é realizada a Prova. “Observamos que os animais estão em excelente estado corporal, com GMD na ordem de 0,750 Kg”, informou Roberto Collares, Coordenador da PAC/CAR Embrapa Pecuária Sul.

A área de ocupação dos animais – os campos da Embrapa Pecuária Sul – está sentindo a falta de chuva, o que tem comprometido a qualidade do pasto. Essas dificuldades, no entanto, são um atestado da própria rusticidade das genéticas em avaliação, na opinião de Collares.

Para o gerente de operações da ABHB, Felipe Azambuja, isso também faz aumentar o grau de dificuldade da prova, proporcionando um grande teste para os criatórios participantes. “A boa notícia é que o Capim Sudão está crescendo e em breve os animais terão a melhoria nutricional, o que impulsionará os ganhos de peso”, destacou.

A Prova

Realizada pela Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB) em parceria com o Polo de Excelência Genética para raças Taurinas (PoloGen), da Embrapa Pecuária Sul, a Prova está na 14ª edição da raça Hereford, que soma 13 touros, e na 23ª edição da raça Braford, totalizando 19 exemplares. Os animais são oriundos de 12 propriedades localizadas em sete municípios gaúchos: Agropecuária São Pedro, de Alegrete; São Fernando, de Quaraí; Nossa Senhora Auxiliadora, Dona Genoveva e Rio Negro de Bagé; São Francisco Xavier e Guatambu, de Dom Pedrito; Agropecuária Sereno e Fazenda São Bento do Verde, de São Sepé;  P.A.P Namur Paixão Suñe e Estância do Bolso, de São Gabriel; e Fazenda Santa Tereza, de Arambaré.

Trata-se de uma importante ferramenta que a ABHB dispõe com foco no melhoramento genético contínuo das raças, buscando comparar, dentro de um mesmo ambiente, reprodutores de diferentes criatórios do sul do Brasil. Tem por finalidade identificar exemplares superiores nos diversos índices de importância produtiva e econômica avaliadas na prova, de forma a que essa genética possa ser utilizada pelos produtores para a aumentar a produtividade e rentabilidade do seu negócio, e também a qualidade uma carne que atenda às exigências da indústria e do consumidor.

Para isso, durante a prova, são avaliados diferentes quesitos, como ganho de peso diário, ganho de peso total, morfologia, área de olho de lombo, gordura subcutânea, área escrotal entre outros. O Consumo Residual Alimentar (CAR) ocorre após o término da PAC, cerca de 45 dias depois, quando os animais são deslocados para uma área controlada, com cochos automatizados, que controlam tanto a entrada e saída de cada animal, como o consumo por ele realizado. Por meio de chips nos animais e balanças nos cochos, todos dados são registrados e enviados em tempo real para um computador e também diretamente para os técnicos da PAC.

A próxima pesagem está programada para o dia 17/01. O resultado completo desta edição pode ser visualizado abaixo ou através do link clicando AQUI.

 

Por Tatiana Feldens, reg. Prof. 13.654

Colaborou Murilo Alves

Ascom ABHB

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Translate »